Dicas de livros para ler antes de crescer

Imagem revista Recreio abril/2015
Imagem revista Recreio abril/2015

A revista Recreio em comemoração ao Dia Internacional do Livro Infantil (2 de abril) trouxe uma matéria bem legal com uma breve chamada para 23 livros. Cada resumo que lemos deu vontade de conhecer a obra. A lista, segundo a revista publicada em abril, foi elaborada por especialistas em livro infantil.

Achamos a indicação bem legal e separamos seis livros que irão para nossa lista: ler antes de crescer.

[themecolor]Marcelo, marmelo e martelo, autora Ruth Rocha[/themecolor]

Cheio de perguntas

Por que a mesa se chama mesa? E por que o travesseiro tem esse nome? Essas e outras questões deixam Marcelo curioso em Marcelo, marmelo e martelo (Ruth Rocha, Editora Salamandra). Tanto que ele cria uma língua própria – colher, por exemplo, vira mexedor. E aí, você consegue acompanhar esse idioma?

[themecolor]Pluft, o Fantasminha, Maria Clara Machado[/themecolor]

Buuu!

Quem tem medo de fantasma nunca deve ter imaginado que um deles tem pavor de gente. Esse é Pluft, o Fantasminha (Maria Clara Machado, Ediouro): ele sente pânico de pessoas até conhecer e ajudar a menina Maribel.

 

[themecolor]O Fantástico Mistério de Feiurinha, Pedro Bandeira[/themecolor]

Além do final

E viveram felizes para sempre! Assim terminam muitos contos de fada. Mas o que acontece depois? O segredo é revelado em O Fantástico Mistério de Feiurinha (Pedro Bandeira, Editora Moderna).

[themecolor]Ou Isto ou aquilo, Cecília Meireles[/themecolor]

Divirta-se com as letras

Quem gosta de brincadeira com palavras vai curtir Ou Isto ou Aquilo (Cecília Meireles, Global Editora). O livro usa ritmo e rimas para criar trava-línguas, advinhas e outras formas de expressão.

[themecolor]Bisa Bia, Bisa Bel e História meio ao Contrário, autora Ana Maria Machado[/themecolor]

Para todos os gostos

Não perca a chance de curtir as obras de Ana Maria Machado. Bons exemplos são: Bisa Bia, Bisa Bel (Editora Salamandra) – Bel encontra a foto da sua bisavó Bia ainda criança e entende mais sobre passado, presente e futuro; e História Meio ao Contrário (Editora Ática) – começa com o viveram felizes para sempre do príncipe e da princesa.

[themecolor]Curiosidade[/themecolor]

O dia 2 de abril foi escolhido para ser o Dia Internacional do Livro Infantil como uma homenagem ao escritor dinamarquês Hans Christian Andersen – ele nasceu nesse dia em 1805 e é considerado o primeiro a adaptar fábulas que já existiam para a linguagem infantil (como O Patinho Feio e A Pequena Sereia).

Fonte:

Revista Recreio, no 786, 2/4/2015

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.